Os livros continuam firmes. Os leitores também

13 Abr

Tinha esta história de que o ebook ia acabar com livro. Depois que o facebook ia acabar com o ebook. Daí acho que deve ser o whatsapp é o fim do facebook. Enfim, a pequena falácia acima é apenas uma provocação para aquele sentimento de que as redes sociais e a tecnologia vieram para limitar ou diminuir a relação do leitor com o objeto livro.

Muita, muita gente discutiu e ainda discute isso. Já até ouvi dizer que as pessoas hoje em dia só leem textos curtos. A despeito de todo o grande debate. O leitor ainda existe. Persiste, existe e frutifica.

Dois sites muito legais se dedicam a clicar leitores nos vagões do metrô. Um na cidade de Nova York, o outro em São Paulo. Undergound Public Library identifica o livro e clica os leitores. O Tem Gente Lendo faz o mesmo e ainda tem um tom de portal. Com matérias, dicas e outras reflexões sobre a leitura.

Os livros estão ai. Os leitores também. Firmes mesmo no subsolo das grandes cidades, mesmo na existência marginal de uma atividade que exige cultivo de habilidades difíceis no mundo de hoje como, por exemplo, a permanência no momento. Para ler literatura, livros e livros é preciso estar presente. Ainda assim os leitores resistem.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: